«A forma inteligente de manter as pessoas passivas e obedientes é limitar estritamente o espectro da opinião aceitável, estimulando concomitante e muito intensamente o debate dentro daquele espectro... Isto dá às pessoas a sensação de que o livre pensamento está pujante, e ao mesmo tempo os pressupostos do sistema são reforçados através desses limites impostos à amplitude do debate».Noam Chomsky

"The smart way to keep people passive and obedient is to strictly limit the spectrum of acceptable opinion, but allow very lively debate within that spectrum - even encourage the more critical and dissident views. That gives people the sense that there's free thinking going on, while all the time the presuppositions of the system are being reinforced by the limits put on the range of the debate." – Noam Chomsky

It will reopen now and then.



14 de abril de 2007

O SIMPLEX


Por causa da saúde do Sr. Joaquim, o tal meu vizinho que caiu pelas escadas abaixo, fui hoje à tardinha ao serviço de urgências do posto local do Serviço Nacional de Saúde.

Por gentileza do clínico, foi aberta uma excepção para o caso do velhote, evitando-me assim ter que despertar de madrugada para conseguir nova consulta.

Fui muito bem recebida e, depois de passada a receita pretendida, ainda houve tempo para dois dedos de conversa.

Falámos dos diplomas de Sócrates. Ele é de opinião que o nosso P.M. é um homem competentíssimo para o lugar que ocupa.

A ele, médico, não lhe interessa se os diplomas em discussão foram conseguidos com ou sem favores.

Para reforçar a sua tese, admitiu até a possibilidade de, por exemplo, Jerónimo de Sousa ter entrado com cunha na Metalúrgica MEC ou ter conseguido tirar o 4º ano da Escola Industrial à base de favores.

Alegação que, por tão descontextualizada, me deixou intrigada. Mas enfim...


Saída do seu gabinete, dirigi-me a outro sector do Centro de Saúde.

Aí informei-me do que havia a fazer para o meu velho e acamado vizinho ter um novo Cartão de Utente, por ter extraviado o seu. Em substituição, tinham-lhe passado há muito tempo, uma espécie de credencial que ia utilizando cada vez que precisava. Mas já se encontrava em muito mau estado.

Posto ao corrente do que era necessário, tratei mesmo ali do assunto. Entreguei uma nota de cinco euros e devolveram-me o troco, bem assim como uma nova folha A4, pré-impressa, onde constava, escrito à mão, que substituía o Cartão em causa até o mesmo ser emitido.

Pensei cá para os meus botões:

"O médico é capaz de ter razão. Efectivamente isto foi muito simples de tratar. O "Simplex" é o máximo! Agora percebo porque ele estabeleceu a comparação entre o P.M. e o outro político, antigo afinador de máquinas. O homem, pelo jeito, nunca suportou as burocracias dos chamados países socialistas de Leste e daí, pimba! "


Saí satisfeita e já menos preocupada com o futuro deste país.
À saída, a caminho de casa, voltei para trás.


Tinha-me esquecido de perguntar à funcionária que me atendeu, a partir de que dia deveria voltar para que me entregassem o novo Cartão.

A resposta foi rápida:

"Isto está atrasado cerca de oito meses. Volte cá para o fim do ano, pode ser que tenha sorte!"...


Z'defa Fava

Engª.Obras Feitas

27 comentários:

Anónimo disse...

Assim vai Portugal tudo simplex!!Claro!!
Ora bem.. isto é os politicos no seu melhor!!!para atrazados isto era trigo limpo farinha amparo..


http://videos.sapo.pt/9ZlJwPEJb7g8UwgZwIqG

asn disse...

Nem seria necessária a leitura do texto dada a beleza da moça da fotomontagem.
Só que fiquei desconfiado que o melhor seria ler tudo de fio a pavio. Estaria eu a perceber bem aquela fotografia?
Aliás, a razão destas vindas aqui à consulta é para ler o texto e as suas conclusões, explícitas ou implícitas.
Mais explicado não pode ser.
Um abraço, Zé
António

Vladimir disse...

vamos mesmo numa de simplex...tudo isto dava uma boa comédia dramática, algo próximo dos "feios porcos e maus"...

jpg disse...

Pronto...e lá se foi o momento de encantamento!

Um abraço.

peciscas disse...

Confirmo!
Também ainda estou à espera dos tais cartões, já lá vão uns mesitos!

Haddock disse...

pouco me interessa se o PM é engenheiro ou técnico de máquinas. mas já não me parece indiferente, sob o ponto de vista da credibilidade da pessoa, se o título foi obtido à conta de favores. e esta novela parece não ter fim, ainda para mais com a promessa fresquinha da uni de revelar informações bombásticas...
ninguém é insubstituível. e seguramente o socrates não é. que não dava jeito uma crise política agora, é claro que não... e depois, convenhamos, simplex menos simplex há também muito disparate pelo meio! um abraço.

XRéis disse...

Pode ter a certeza que teve mmuito mais sorte que eu, consegui tratar de tudo num só dia, pois eu tive que ir lá tres dias seguidos pra trazer o tal papel, e pode crer que não tive coragem de perguntar quando podia levantar o cartão.

Alien David Sousa disse...

Zé, e viva o SIMPLEX:

"Isto está atrasado cerca de oito meses. Volte cá para o fim do ano, pode ser que tenha sorte!" LOL

O senhor ENG? Sabe o mesmo o que anda a fazer com o país!É por isso que eu ando a dormir tão bem desde que ele assumiu funções.NOT!
Saudações alienígenas

Sandokan disse...

Isto é mesmo uma necesidade de estima, ou será uma necessidade de auto-realização que, segundo o conceito de MASLOW, é a necessidade inata que cada um tem de realizar oseu potencial "tornando-se em tudo aquilo em que uma pessoa é capaz de se tornar".

Vamos em frente! O simplex está a chegar!

Amigo ZÉ. Gostaríamos que entrasses para a nossa galeria do:

http://lusoprosecontras.blogspot.com

Não queres ser nosso colaborador e criar lá alguns dos teus posts?

motormotor disse...

Ora bolas,,,acho qque tenho mesmo de ir ao médico...LOL

Conceição Bernardino disse...

Olá,
Desculpe a minha ausência, mas o que importa é, que estou de volta.
Ofereço-lhe este poema da minha autoria...

Sorriso


Não me lembro de ter nascido,
Não me lembro de ter vivido,
Não me lembro, jamais de alguma coisa
Se não somente, de ter sofrido!
Mas que importa isso agora?
Se sou feliz por ora.
Tenho amigos por todo lado
Os quais eu tanto amo
Os quais eu muito respeito
Sou feliz, por fazer sorrir alguém
Que sofre tanto ou mais do que eu.


Conceição Bernardino

Beijinhos e uma boa semana...
http://amanhecer-palavrasousadas.blogspot.com

Paulo Sempre disse...

O meu vizinho foi a uma consulta em 16/10/2004. Ficou de ser notificado para novos exames. Em 03/02/2007, através de carta regista, lá chegou a tão esperada notificação: "em 12/02/2007 deve comparecer nos serviços administrativos deste hospital- Drª Matilde - pela 10:00h, afim de tratar de assuntos do seu interesse referentes ao exame de cardiologia".
Afinal o coração do meu vizinho tinha parado definitivamente em 23/01/2005.
O cruzamento de dados do "Simplex" chegou tarde e de forma "complex".
Talvés o facto do meu ex-vizinho descontar durante 55 anos e com uma reforma de 352, 12 Euros e com a 2º classe do ensino primário por favor tivesse contribuido para tão triste situação...
Abraço

Laura disse...

Bem Zé Lérias..
Em vez da história dos cartões, a minha filha foi às urgências, além de so terem uma médica de serviço ali..as pessoas eram aos montes (nem tanto assim..) a rapariga esteve lá desde as 9,15 da manhã até à uma e quize.. A dada altura uma jovem senhora acompanhada pelo marido, e grávida de 5 meses, começa a sentir-se mal e qprestes a desmaiar, o amrido corre a buscar água e as senhoras à espera de consulta, tentam ajudar, e as meninas do balcão onde tratamos das papeladas, não tinham nenhum cliente, nem se mecheram (eram duas), as senhoras começam a ficar aflitas e a pobre da grávida desmaia mesmo, as mulheres começam a bater na porta da entrada das consultas de urgência, abram abram..(benditas muiés do nosso Povo, povo que se ajuda mutuamente na hora da aflição), e ninguém vinha abrir aquilo, então gritam elas quais padeiras de Aljubarrota..Abram esta merda já senão metemos isto para dentro, já se prontificavam a pontapear a porta quando apareceram enfermeiras vindas de outras salas, e..lá levaramm a senhora semi desmaiada, branca como cal, e sabes Zé onde foram as meninas do balcão? sentaram-se já que não havia clientes....
Beijinhos, e é isto..Com estudos ou sem estudos..não conseguimos chegar a lado nenhum...

Catarina disse...

Pode ser que tenha sorte... nessa resposta simples e enigmatica a funcionaria resumiu o estado do pais onde tal como para cebeber um simples cartao ao fim de oito meses de espera também para chegar a altos cargos não sao necessarios diplomas mas sorte.

De qualquer forma, ainda que nem conheça o governo (ou desgoverno) do engenheiro socrates parece-me que ele foi uma escolha democratica que não foi feita dependente dos diplomas. De qualquer forma, se por um lado acho corriqueira a questão e a importancia que se da a um diploma que em nada muda o valor ou a competencia (ou incompetencia) de um homem por outro acho que os nossos governantes exigem muitos estudos de um povo que é governado por quase iletrados!

Um abraço

mixtu disse...

yayayaay
podes ser que tenhas sorte
fanlando sério, o simplex já cá devia estra há muito, excelente, nota positiva para este governo

abrazo

Belzebu disse...

Puro engano! Isto é o compliquex! Esta santa terrinha, entregue a um saco de gatos a cheirar a maçonaria, baralha e volta a dar para se eternizar no poder!

Saudações infernais!

Savonarola disse...

Ex.ma Sra. Engenheira,
Muito embora respeite, como democrata que me prezo de ser, as suas opiniões políticas, alerto-a para o facto de o médico com quem falou estar mal informado, não só em relação às burocracias dos "chamados países socialistas de Leste" - sobre as quais ainda hoje sabemos tão pouco, excepto o que sempre nos disse a propaganda política do Oeste - como também em relação à nossa, portuguesa, burocracia. Porque esta não é simplex, é complicadissimex e, a meu ver destina-se a fazer o contrário do que o que o antigo socialismo de Leste pretendia, ou seja, destina-se a dificultar e a encarecer os serviços públicos. De forma que, Ex.ma Senhora, as pessoas são subrepticiamente levadas a pensar que até ganhavam em pagar aqueles planos - reforma, saúde, etc. - que os bancos (capitalistas) propõem e que o governo gostaria de ver adoptados pelo povo incauto. Fiz-me entender? Ou quer que faça um boneco que inclua a cara do Correia de Campos?
Com os melhores cumprimentos anarquistas do Oeste

Ludovicus Rex disse...

Bem posta... Realmente o Commplex é o máximo...

Amigo Zé,em relação ao que dizes no meu blog, é bem verdade. Somos a sua herança… Obrigado pelo fantástico, mas é um simples blog de e para todos.

Um Abraço e Bom Fim de Semana

Ahlka disse...

Antes dos 8 mêses, podiam ser anos...Somos os maiores, haja optimismo! :))

Matisfolle disse...

Et où est écrit quel est le diplôme nécessaire pour s'être politique, soit de que récompense sera ? ? ?
Et l'autre n'est pas (c'était) métallurgique et maintenant est le président ? ? ? ?
Et simplex par simplex, pansement que dans le Brasil c'est plus simplex encore.
Bonne fin de semaine

Vladimir disse...

Refere François Chateaubriand que “não somos nada, sem felicidade”.

Qual é a sua opinião sobre este tema?

Maria da maralha disse...

Até que enfim que alguém tocou o ponto certo!!
Belzebu diz que quem toca os cordelinhos na politica são os maçonicos..pois ...pois..sao grande
influencia que tiveram e têm no grupinho de Leiria!!!ou não fosse
os filhos do Sócratas netos do Grão
mestre do Distrito.

António Melenas disse...

È assim, meu Amigo, a saúde que temos meste país e que o governo que nos desgoverna se tem empenhado em piorar um pouco
Um abraço

Escorpiana Explosiva disse...

passei pra deixar um bjo.

aDesenhar disse...

se este "SIMPLEX" for "DURALEX"

estamos tramados.

:-)

Escorpiana Explosiva disse...

valeu a visita.

Movimento Pela Net Mais Barata disse...

Simplex era ter uma net que funciona à séria 7 dias por semana, sem cair nem chatices e sem contas que nos dão dores de cabeça!